segunda-feira, 16 de maio de 2016

FÁTIMA, FUTEBOL E FADO














Há muito tempo que não publicava nesta "alma da Nação e a minha". O fim de semana de 13, 14 e 15 de Maio do Ano da Graça de 2016, (re)despoletou-me tal vontade com o seguinte "post".

Este fim de semana cumpriu-se uma aproximação da trilogia aleanatória tão cara ao Estado Novo - Fátima, Futebol e Fado. As duas primeiras foram empolgantes, cada uma à sua maneira, na tradição e crença dos portugueses. A terceira, o Fado, não teve um evento à altura, no entanto podemos identificar uma aproximação mediática que também teve fado do tipo moderno - "os Globos de Ouro" da SIC. Embora sem a expressão popular e massificada dos outros dois, este último evento acaba também por ser tangível, uma vez que premeia os intervenientes das novelas, desporto e afins. Como diria Pessoa ..... falta cumprir Portugal.

Sem comentários:

Enviar um comentário